publicidade

Postagens recentes

Gostou do blog?
Então cadastre-se para receber novidades e dicas exclusivas!

Minha dica pra você

PLANEJAMENTO FINANCEIRO PESSOAL EM 3 PASSOS SIMPLES

quinta-feira, 20 de junho de 2019 /
Veja neste artigo como criar um planejamento financeiro pessoal em 3 passos simples. O planejamento financeiro pessoal é importante para controlar seu orçamento e identificar gastos excessivos, tornando possível alterar maus hábitos financeiros... Hábitos que podem te impedir de realizar seus sonhos.

"Você sabia que o planejamento financeiro pessoal é apontado por profissionais como a ferramenta de maior importância para alcançar seus objetivos? Pois é." - Rico.


o que é um planejamento financeiro pessoal?

O planejamento financeiro pessoal é um método que controla as suas receitas e despesas. Através dele organizamos as finanças e gastamos dinheiro de forma consciente.

Veja que eu disse "gastamos dinheiro", porque ao contrário do que muita gente pensa, um planejamento financeiro pessoal não consiste em poupar dinheiro, e sim em gastar de forma saudável.

Este planejamento é responsável pelas realizações dos seus objetivos financeiros como comprar uma casa, um carro ou garantir a sua aposentadoria.

PLANEJAMENTO FINANCEIRO PESSOAL EM 3 PASSOS SIMPLES


COMO ELABORAR UM BOM PLANEJAMENTO FINANCEIRO PESSOAL EM 3 PASSOS


1. TENHA METAS E OBJETIVOS

Comece seu planejamento financeiro pessoal definindo objetivos financeiros. Sem um objetivo você tem grandes chances de  desistir do controle financeiro no meio do caminho.

Descreva suas metas detalhadamente, não basta apenas decidir comprar um carro, por exemplo. É importante definir quando, como e quanto você vai pagar neste carro:


"Vou comprar um carro de R$10 mil, à vista, daqui um ano".

Ter uma meta te motiva a manter o planejamento financeiro pessoal, poupar e investir.

Os objetivos são divididos em curto, médio e longo prazo:

  • Objetivos de curto prazo: até 2 anos;
  • Objetivos de médio prazo: de 2 a 7 anos;
  • Objetivos de longo prazo: acima de 8 anos.



2. Anote seus gastos

O segundo passo para um planejamento financeiro pessoal eficaz é anotar todos os seus gastos, todos mesmo, até aquele chiclete que você comprou na quitanda da esquina.

Este passo é fundamental para organizar sua vida financeira, pois colocando tudo na ponta do lápis você verá exatamente para onde vai seu dinheiro.


Como anotar?
Os gastos financeiros são divididos em dois grupos:
  • Gastos essenciais: são aqueles indispensáveis para viver, como supermercado, água, luz, Internet, telefone;
  • Gastos supérfluos:  são aqueles superficiais, como Netflix, TV por assinatura, cinema, jantar em restaurantes.

Sendo assim, você deve dividir seus gastos em essenciais e supérfluos na hora de anotá-los. Anote tudo no momento exato em que gastar para não esquecer de marcar depois.

Comprou um celular novo? Anote na hora! Comprou um lanche no MCDonald's? Anote na hora! 

Para isso use seu celular que está sempre com você, dá para usar o bloco de notas que é mais simples e rápido.

Marque inclusive os centavos, eles fazem diferença!

Ao chegar na sua casa passe para uma planilha do Excel ou para um caderno,  aplicativos de controle financeiro também são válidos. 

No final do artigo disponibilizo duas ferramentas de controle financeiro: uma planilha no Excel e uma folha para impressão.



3. Siga o método  50/30/ 20

A regra 50/30/20 consiste em dividir um orçamento em porcentagem, com ele é possível organizar as finanças e ter uma vida financeira saudável.

Mais abaixo eu falo um pouco mais sobre isso, antes recomendo salvar essa imagem no Pinterest para não esquecer ↓


PLANEJAMENTO FINANCEIRO PESSOAL EM 3 PASSOS SIMPLES


De acordo com este método, um orçamento deve ser dividido em 50%, 30% e 20%:
  • 50% - Gastos Essenciais: esta porcentagem salarial é destinada a despesas necessárias, as mais comuns são alimentação, prestação da casa, conta de água, estudos, entre outros
Porém, estes gastos podem variar de pessoa para pessoa, pode ser que algo indispensável para você não seja essencial para fulano ou ciclano. 
Se você considera o Spotify algo essencial inclua nos 50%. Se a manicure é essencial inclua também nos 50%. 


  • 30% - Investimentos: essa parte é reservada para realizar aplicações, seja de curto, médio ou longo prazo. A melhor forma de investir depende das necessidades e objetivos pessoais.
Talvez você deseje dividir os 30% em investimentos diferentes, como 10% para uma reserva emergencial, 10% para sua aposentadoria e 10% para comprar uma casa. Tudo é válido desde que você invista esse dinheiro!


  • 20 % - Desejos Pessoais: essa porcentagem é designada para bancar suas vontades, seu lazer, ou seja, use para ser feliz.


Observação: para uma pessoa que nunca poupou dinheiro pode ser difícil investir 30 %, se este for o seu caso comece investindo o quanto conseguir e vá aumentando gradualmente.



→ Atenção aqui ←

O passo 2 deste artigo é indispensável em um planejamento financeiro pessoal, a partir dele você terá controle sobre o seu orçamento.

O principal objetivo do passo 2...
Ao anotar as suas despesas, analise principalmente a soma dos gastos essenciais.  Caso o valor ultrapasse 50% do seu salário, é preciso repensar o seu padrão de vida. 

Segundo educadores financeiros, é altamente importante que você gaste apenas a metade do que ganha com as despesas essenciais. Assim é possível investir muito mais, realizar muito mais e fazer compras à vista!

"Viva um degrau abaixo do que você ganha!" - Nathalia Arcuri, Especialista em Finanças

* A planilha disponibilizada neste post faz automaticamente o cálculo dos gastos essenciais. Baixe mais abaixo e organize suas finanças agora mesmo! 


Ultrapassei os 50%, o que fazer?
Quando você gasta mais da metade do seu salário com despesas essenciais, você tem duas opções:

  • Reduzir gastos: veja como é possível economizar, trocar a empresa de telefonia, alugar uma casa mais barata, encontrar uma academia mais em conta são algumas ideias;


  • Aumentar sua renda: arrume um emprego com um salário mais alto ou tenha fontes de renda extra, trabalhe de garçom nas horas vagas, de uber, crie um blog, o que importa é conseguir mais dinheiro. Veja alguns artigos que podem te ajudar com isso:



Ferramentas de controle financeiro pessoal


A planilha é bem simples e fácil de usar. Algumas pessoas usam planilhas muito elaboradas, mas para quem está iniciando o planejamento financeiro pessoal é melhor usar planilhas mais simples.


A folha é para quem deseja organizar as finanças manualmente. Ela faz um controle mensal, imprima uma folha para cada mês.



Dicas de aplicativos de controle financeiro pessoal

  • Mobilis
  • GuiaBolso
  • Expense IQ
  • Wisecash
  • Organizze

Gostou do artigo? Então não vá embora sem comentar!


Siga minha pasta Planejamento Financeiro Pessoal no Pinterest, estarei sempre atualizando-a com conteúdos novos:






Acompanhe o blog nas redes sociais:

 PinterestFacebook → @nossaquevicioblog


4 comentários:

  1. Post mara!
    Confira meu último post- https://garotastarfashion.blogspot.com/2019/06/inspiracoes-de-vestidos-na-moda-2019.html

    ResponderExcluir
  2. Muitos bacana as informações, são bem explicadas.Obrigado pelo post.Abraçosss.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Obrigada Cris! É bom ver que as pessoas estão interessadas em controlar as finanças, vou compartilhar mais dicas. Abraços!

      Excluir

Olá! Muito obrigada por ler o post e por se dispor a comentá-lo. Marque a opção "notifique-me" para ser notificado quando eu responder seu comentário.

Tema feito com amor por