sábado, 27 de maio de 2017

13 reasons why: 13 diferenças entre a série e o livro de Jay Asher

13 reasons why: 13 diferenças entre a série e o livro de Jay Asher

Em 13 Reasons Why Clay Jensen é um estudante do ensino médio que recebe uma caixa com treze fitas cassetes gravadas por Hannah Baker, a garota pela qual ele era apaixonado e que cometeu suicídio duas semanas antes. Nas fitas, Hannah conta os motivos - os treze porquês - que a levaram a acabar com a própria vida.

A produção da Netflix é baseada no best seller Os 13 Porquês de Jay Asher, e como toda adaptação 13 Reasons Why conta com diferenças entre a série e o livro. Eu não li a obra literária, mas pesquisei e encontrei as seguintes diferenças:


1. No livro, Clay ouve as fitas em uma única noite
13 reasons why: 13 diferenças entre a série e o livro de Jay Asher

A maior diferença entre a série 13 Reasons Why e o livro é que na obra literária Clay ouve as treze fitas na mesma noite, na série, para render e dar continuidade, ele leva dias para ouvi-las. Bate uma agonia só de lembrar rsrs.



2. Na série, personagens coadjuvantes ganharam suas próprias histórias
13 reasons why: 13 diferenças entre a série e o livro de Jay Asher

O livro não mostra a vida pessoal dos porquês, eles são apenas citados nas fitas de Hannah. Na série, cada personagem ganhou uma história de vida, como a complicada situação que Justin vive em sua casa.


3. O relacionamento entre Hannah e Clay
13 reasons why: 13 diferenças entre a série e o livro de Jay Asher

No livro, a relação de Hannah e Clay é bem estreita, eles basicamente só conversam no tralho. Enquanto que na série há mais interação entre os dois.



4. Diferenças de sexualidade

13 reasons why: 13 diferenças entre a série e o livro de Jay Asher

A série da Netflix conta com personagens homossexuais, Courtney e Tony, que ganhou até um namorado, porém, no livro eles são heterossexuais.




5. A série foi adaptada para os dias atuais

13 reasons why: 13 diferenças entre a série e o livro de Jay Asher

O contexto social do livro Os 13 Porquês, lançado em 2007, era bastante diferente do que vivemos atualmente. As redes sociais não existiam, e os boatos sobre a Hannah foram espalhados boca a boca. 









6. A vítima do acidente não é Jeff

13 reasons why: 13 diferenças entre a série e o livro de Jay Asher

Jeff era um dos poucos amigos de Clay, na série vimos que ele morre em um acidente de carro. Essa é mais uma diferença entre a série 13 Reasons Why e o livro, na obra literária, a vítima era apenas "mais um entre tantos rostos da escola", alguém que Clay não conhecia. 



7. A ordem das fitas

13 reasons why: 13 diferenças entre a série e o livro de Jay Asher

Na série da Netflix, Clay é o motivo 11, seguido por Bryce e pelo Sr. Porter, porém, no livro, a fita do Clay é a 9, vindo depois Justin e Jessy (que na série se tornou Sheri). Os dois últimos não foram alterados: Bryce e Sr. Porter  




8. Na série, a cena do estupro é mais explícita
13 reasons why: 13 diferenças entre a série e o livro de Jay Asher

No livro, Hannah não narra detalhadamente a violência que sofreu. Ela diz que Bryce colocou a mão dentro do biquíni dela e não parou por aí, e conta que não disse nada, nem tirou a mão dele, apesar de estar chorando. Já a série mostra de forma explícita toda a brutalidade do ataque.





9. A confissão de Bryce
13 reasons why: 13 diferenças entre a série e o livro de Jay Asher

Na série vimos que Clay consegue gravar uma confissão de Bryce, o que se torna a 14ª fita. Apesar de ser uma cena importante, ela não está presente no livro. Mais uma diferença entre a série 13 Reasons Why e o livro de Jay Asher. 





10. O papel do Tony
13 reasons why: 13 diferenças entre a série e o livro de Jay Asher
Tony ganhou mais relevância na série, além de ser mais presente, ele entrega as fitas de Hannah para os pais da garota. No livro, ele aparece apenas para dar apoio a Clay quando o garoto escuta sua fita. 




11. Na série, os pais de Hannah processam a escola
13 reasons why: 13 diferenças entre a série e o livro de Jay Asher

Como o livro é focado apenas em Clay ouvindo as fitas, ele também não mostra o processo judicial que os pais de Hannah movem contra a escola. 





12. Tyler supostamente planeja um ataque
13 reasons why: 13 diferenças entre a série e o livro

O final da primeira temporada de 13 Reasons Why dá a entender que Tyler planeja um ataque contra seus colegas de escola. Algo que não acontece no livro.





13. A forma que Hannah comete suicídio 
13 reasons why: 13 diferenças entre a série e o livro

No livro, Hannah decide morrer de forma indolor, então se mata com uma overdose de medicamentos. Enquanto que na série, ela corta os pulsos e sangra até morrer... Uma cena difícil de assistir. 
>


Você já leu Os 13 Porquês? Se você conhece mais diferenças entre a série 13 Reasons Why e o livro de Jay Asher deixe nos comentários.




Curta a página do blog no Facebook para acompanhar as novidades.
 Um beijo, e até mais :)



Fontes de pesquisa: Mundo de LuaMinha Série


Nenhum comentário:

Postar um comentário

Olá! Muito obrigada por ler o post e por se dispor a comentá-lo. Marque a opção "notifique-me" para ser notificado quando eu responder seu comentário.